Product ID: 13633
Product SKU: 13633
kit Alcon Labcon

kit Alcon Labcon

Clique e veja!
Disponibilidade: Imediata
aguarde, carregando preço...

1 – Principais Características

  • Medicamento bactericida

 

2- Descrição do Produto

Labcon Bacter é composto de Sulfato de Neomicina, um agente antimicrobiano aminoglicosídico de largo espectro, com ação sobre bactérias gram-negativas. As bactérias de ocorrência nas doenças infecciosas dos peixes ornamentais pertencem, em grande parte, ao grupo gram-negativo. A sintomatologia destas bacterioses é muito variada e muitas vezes os peixes apresentam sintomas comuns causados por diferentes bactérias, além de outros agentes etiológicos como fungos e parasitas. Em muitos casos estas doenças apresentam-se em estado septicêmico (infecção generalizada), com as bactérias presentes em vários órgãos. 

Alguns sintomas associados às bacterioses: Nadadeiras roídas; Ascite (hisia abdominal); Escamas eriçadas; Hemorragia no tegumento e base das nadadeiras; Ramificações vermelhas nas nadadeiras; Ventre retraído; Exoftalmia (olhos saltados); Úlceras (feridas) e abscessos (bolhas) na superfície do corpo; Perda de escamas; Deformação da coluna vertebral; Coloração escurecida; Letargia; Nado irregular; Respiração ofegante. 


Algumas bacterioses e seus principais agentes etiológicos: 

Doença da coluna ou Doença da sela: agente etiológico - Flexibacter columnaris e  Flexibacter maritimus 

Podridão bacteriana das nadadeiras: agentes etiológicos - Pseudomonas fluorescens, Aeromonas hyhila, Cytophaga psychrophila 

Doença branquial bacteriana: agente etiológico -  Flavobacterium branchiophila 

Eritrodermatite (Furunculose) dos Ciprinídeos: agente etiológico - Aeromonas salmonicida 

Septicemias bacterianas: agente etiológico - Aeromonas hyhilaPseudomonas spp e Edwardsiela tarda 

Enteropatia da boca vermelha: agente etiológico - Yersinia ruckeri

3- Forma de uso

Dissolva o conteúdo da(s) cápsula(s) na água do aquário
Para melhor diluição, dissolva previamente o conteúdo da(s) cápsula(s) em um copo com água, aplicando a seguir a solução no aquário a ser tratado. Não armazene solução para aplicações posteriores. A aplicação deve ser imediata após a preparação. 

Descarte as cápsulas vazias. 

Trate os peixes preferencialmente em aquário hospital, para não haver ação do medicamento sobre as bactérias do filtro biológico.

Durante as primeiras 8 horas após a aplicação, suspenda a filtragem, sem desligar o oxigenador. Em geral os sistemas de filtragem funcionam associados à oxigenação. Se não for possível desconectar o oxigenador do sistema, então não desligue a filtragem. 


Dosagem: Aplique o produto na proporção de 1 cápsulas para cada 12,5 L de água

Repita as aplicações a cada 24 horas durante 5 dias, preferencialmente após rápida sifonagem de fundo e troca parcial de água. 

Caso seja necessário novo tratamento, garanta um intervalo mínimo de 15 dias entre os tratamentos.

Após 7 dias da abertura do sachê, as capsulas não utilizadas devem ser descartadas.  

4- Ingredientes

Sulfato de neomicina 210 mg Excipiente 40 mg

 


1 – Principais Características

  • Medicamento fungicida.

2- Descrição do Produto

Indicações Como fungicida: Saprolegnioses  
Nome comum: Doença dos tufos de algodão 
Agentes Etiológicos: principalmente os fungos

3- Forma de uso

Suspenda temporariamente a filtragem sem desligar o oxigenador. A maioria dos sistemas de filtragem funciona associados à oxigenação. Se não for possível desconectar o oxigenador do sistema, então não desligue a filtragem. 

Dosagem: Aplique o produto diretamente na água, na proporção de 1 gota para cada 2 L de água. Repita as aplicações a cada 48 horasaté regressão dos sintomas

Em caso de associação com parasiticidas, como Labcon Ictio, aplicar 1 gota para cada 4 L de água. 

Labcon Aqualife normalmente muda a coloração da água, em aproximadamente 48 h após o termino do tratamento a água retorna a sua coloração normal. Porém pode haver manchas no silicone, dependo da qualidade do material.

4- Ingredientes

Acriflavina (cloridrato) 0,45 g Veículo q.s.p 100 ml


1 – Principais Características

  • Elimina as micro algas, água verde.

2- Descrição do Produto

Labcon Anti Algas é um algicida não tóxico aos peixes, que atua na prevenção e combate à formação de algas indesejáveis em aquários de água doce. Age também na melhoria da qualidade de água, tornando-a cristalina e inodora.

3- Forma de uso

1. Calcule o volume de água do aquário.

2. Em situações de desenvolvimento muito expressivo de algas, adicione uma gota de Labcon Anti Algas para cada 4 litros de água, a cada 48 horas, até a retomada da transparência da água. 

3. Aplicar o produto com o sistema de filtragem desligado. 

4. Algas filamentosas presas às superfícies, embora mortas após a ação do produto, precisam ser removidas mecanicamente. 

5. Para aplicações preventivas, adicione semanalmente uma gota para cada 8 litros de água. 

6. Após cerca de uma hora, aplicar Labcon Cristal, para aglutinar as algas mortas e partículas em suspensão, para que sejam mais facilmente recolhidas pelo sistema de filtragem mecânico. 

7. A eficiência do tratamento e a permanência de boas condições de água para os peixes dependem da remoção das algas mortas por um sistema de filtragem mecânico eficiente. Caso contrário, resultará em excesso de matéria orgânica, que pode ser prejudicial à qualidade da água, e servirá como nutriente para a proliferação de novas algas.

4- Ingredientes

Peróxido de hidrogênio, álcool etílico, água destilada.


1 – Principais Características

  • Reduz o pH da água.

2- Descrição do Produto

Labcon Acid é indicado para reduzir o pH da água de aquários de água doce. Alterações do pH são prejudiciais aos peixes. Consulte a literatura para definir o pH ideal para os peixes mantidos no seu aquário. 

Use Labcon Acid como providência emergencial de correção do pH. Procure identificar e reverter às causas responsáveis pela alcalinização. Tamponadores podem ser aplicados para resultados mais persistentes. 

Use Labcon Test pH Tropical para monitorar o pH e Labcon Test Dureza em Carbonatos KH para verificar o poder tampão da água, através da concentração de carbonatos dissolvidos. Lembre-se que correções devem ser realizadas de forma gradual, pois mudanças bruscas causam estresse nos peixes.

3- Forma de uso

1. Calcule o volume de água do aquário; 

2. Adicione uma gota de Labcon Acid para cada 3 litros de água;

3. Após 30 minutos meça o pH para certificar-se da correção, que dependerá da escala de pH em que a água se encontrava; 

4. Se for necessário novo ajuste, este deve ser feito após 4 horas para que os peixes e plantas tenham tempo de se adaptar. 

5. A estabilidade do pH depende da concentração de carbonatos da água, quanto menor a alcalinidade maior será a variação do pH.

4- Ingredientes

Ácido clorídrico e água destilada.


1 – Principais Características

  • Mede o pH na escala de 6,2 a 7,5.

2- Descrição do Produto

Utilize semanalmente, ou sempre que os peixes apresentarem algum comportamento diferente, LabconTest pH Tropical para verificar o pH da água, em caso de alterações tome as medidas cabíveis de correção do pH. É importante verificar o pH antes e após as trocas parciais de água, pois mudanças bruscas são estressantes aos peixes. 

Os estados de acidez ou alcalinidade de uma solução aquosa estão relacionados à concentração de íons hidrogênio H+, carregados positivamente, interagindo sobre os íons hidróxido OH-, carregados negativamente. Através da verificação do potencial do íon hidrogênio, ou pH, é possível se conhecer o estado da água em termos de acidez ou alcalinidade. O pH é quantificado dentro de uma escala numérica que vai de 0 a 14, tendo o 7 como ponto neutro ou ponto de equilíbrio entre as cargas. 

Valores inferiores a 7 referem-se a uma predominância de íons H+ sobre os OH-, indicando um estado de acidez, e valores superiores a 7, indicam estado de alcalinidade, com situação inversa em relação a concentração de íons. O pH aceitável para água de aquário da maioria dos peixes de água doce vai de 6,0 a 7,8, sendo que o pH ideal situa-se entre 6,8 e 7,2. Antes de colocar peixes no aquário, é conveniente consultar a literatura especializada a fim de identificar qual é o pH ideal, uma vez que este pode variar de acordo com a espécie.

3- Forma de uso

1. Encha a proveta até a marca com a água do aquário a ser analisada. 
2. Pingue três gotas da solução reagente, tampe o tubo e agite. 
3. Após 2 minutos,compare a cor desenvolvida com a escala de cores apresentada no verso. Para melhor comparação, encoste a proveta aberta na cor mais apropriada da escala e faça a leitura por cima. Cada tonalidade de cor corresponde a um determinado pH. 

- Realize a leitura de preferência sob luz natural. Para melhor comparação, encoste a proveta aberta no círculo branco e faça a observação por cima. 

Obs: 
- Após cada teste lave a proveta imediatamente com água limpa e mantenha fechada. Este cuidado é muito importante, pois se a proveta não estiver limpa, a cor resultante dos próximos testes poderá ser alterada, provocando erros de leitura. 
- Para melhor garantir a eficiência dos testes, mantenha o frasco da solução reagente sempre bem fechado. 

Limitações de Uso: 
A leitura do resultado do teste poderá sofrer distorções quando a água testada estiver sendo tratada com produtos que desenvolvem cor. Não é aconselhável a utilização simultânea de Labcon Test pH Tropical com produtos desta natureza. 

Como corrigir o pH da água: 
Utilize os corretivos Labcon Acid para corrigir alcalinidade excessiva e Labcon Alcali para corrigir acidez excessiva. Alterações extremas de pH ocorrem devido a condições anormais da água ou objetos colocados dentro do aquário, como por exemplo, cascalho de fontes calcárias alcalinizante ou excesso de raízes acidificantes. Algumas vezes somente o monitoramento e correção do pH não são suficientes. 

O monitoramento da dureza em carbonatos da água é de extrema importância, pois indica a capacidade tampão da água, ou seja, a maior ou menor capacidade em manter o pH estável. Este parâmetro deve ser monitorado com uso do Labcon Test Dureza em Carbonatos KH. Ao mensurar a dureza em carbonatos da água as causas das alterações do pH poderão ser identificadas e solucionadas com maior facilidade.

4- Ingredientes

Azul de bromotimol, hidróxido de sódio, água destilada.

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.

Características